terça-feira, setembro 23, 2008

And the winner is...



Há muito tempo que não via um filme tão mau como este, tão mau que consegue ser pior que o Bewoulf e a sua Angelina Jolie com saltos imbutidos ou como aquele filme em que a Catherina Zeta-Jones era chefe de cozinha. Mais uma vez, não fui eu que escolhi a peça e a única coisa que dá para tirar de positivo é que de certeza que qualquer coisa que veja daqui para a frente vai parecer uma obra-prima.
E porque é que, perguntam vocês, torna esta película tão má, ao ponto de deixar o Júlio Verne aos pontapés na cova?
Não será certamente pelos passarinhos cavernícolas fluorescentes que existem desde há 150 milhões de anos. Nem pelas trilobites terrestres. Nem pelos plesiosauros com pescoço bamboleante. Nem pelas plantas carnívoras que assobiam e vão atrás das pessoas. Nem pelas rochas magnéticas flutuantes. Nem pelos outros 232092 disparates pseudo-científicos que quase me deixaram com uma apoplexia.
É porque o filme é simplesmente MUITO mau...

1 comentário:

stinky_feat disse...

LOL

Eu acho k isso foi pq num foste ver a versão 3D ao Alvalaxia, e como tal num ficaste estupefacto, com os inumeros objectos k virtualmente te atingiam, nomeadamente entre elas, umas escarretas assim pro nojentas, se bem me lembro da pelicula!!