quarta-feira, maio 02, 2007

Mini-férias em Monfrague

Após 4 dias passados no coração da Extremadura, a Irmandade da Esteva, mais duas contratações, regressa cansada, mas com um sorriso de satisfação na cara bronzeada pelo sol. O local onde pernoitámos foi uma agradável surpresa, as paisagens de cortar a respiração, os passeios, de carro e a pé, fantásticos e os dias longos e cheios de cromos, uns novos, outros que são sempre bons repetir.

Sem querer fazer muita inveja àqueles que lamentavelmente não poderam ir, ficam registados alguns momentos de ouro da viagem, como a lontra a brincar na água num riacho poucos metros à nossa frente, as cegonhas-negras no ninho com 3 crias a espreitar, as 2 águias-imperiais a sobrevoar-nos e o ninho de bufo-pequeno mesmo à beira da estrada. Claro que houve muito mais para contar e descrever e a cada curva no caminho deparávamo-nos com novas surpresas naturais.

Evidentemente, nem tudo foi bom e houve alguns pormenores a estragar um pouco o passeio:
  1. O facto de o gasóleo em Espanha é cerca de 10 cêntimos/litro mais barato que neste país de segunda categoria; Obviamente que a última coisa que fiz ante de passar a fronteira foi atestar o depósito do carro;
  2. Espanha está cheia de espanhóis, cromos, que falam alto e saem fora dos trilhos. É claro que o tuga faz mais ou menos ou menos mas sem tanto estardalhaço;
  3. Os parques naturais têm todos postos de informação, placas e trilhos marcados; não há auto-estradas a atravessar áreas protegidas nem aberrações arquitectónicas a aparecer por todo o lado na paisagem. Como é que nuestros hermanos conseguem fazer isto?

Outro pormenor menos bom mas que até deu para rir foi fazer a viagem num carro com o travão de mão semi-avariado e com as luzes de stop com vontade própria. Houve pelo menos uma pessoa que ia tendo vários ataques de pânico com as super-valetas e os limpa-parabrisas psicóticos.

4 comentários:

vanvan disse...

Não tenho palavras melhores do que as tuas para descrever estas mini-férias... foram 4 dias de sonho! A começar pelos apartamentos localizados num sítio incrível, as paisagens espectaculares e todos esses seres magníficos que as tornam ainda mais especiais... vale mesmo a pena conhecer sítios assim.

pintinhas disse...

Este teu último desenho diz muito... infelizmente não somos um país muito acolhedor para as aves...

Adorei esta curta viagem da irmandade da esteva ou 'hermandad de la jara pegajosa' em terras de coños!

Proponho por isso mais incursões da irmandade pelo estrangeiro... a internacionalização:
'fraternité de la ciste lá gomme'
'brotherhood of the rock rose'
'fratellanza fiore bianca'
'bruderschaft Lack-Zistrose'
é melhor parar antes que saia daqui alguma asneira!

Mas não pensem que me esqueço... dois dos ilustres membros ainda não foram baptizados! Não perdem pela demora! he he he!

Vera disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vera disse...

Mas que dias fantásticos!!!! Saudades..... só não convém esquecer que esse membro novo que teve vários ataques de pânico dentro do super-polo ainda está p saber cm é k n morreu do coração!!!!

E nem pensei em baptismos...senão caio p o lado!!!! :)

Esta irmandade da esteva que nem sonhe mais c limpa pára-brisas psicóticos!!! :)

Mas continuo c saudades desta mini-férias!