domingo, dezembro 02, 2007

Field Sketching Trip

Há uns anos a esta parte achava que era um pretensiosismo extremo e querer armar-me aos Van Goghs, felizmente com as duas orelhas no sítio, andar com papel e material de desenho atrás a fingir que sabia desenhar.
Por volta dessa altura, com a desculpa de mais tarde rabiscar qualquer coisa no conforto do lar, é que passei a andar com a máquina fotográfica a captar pormenores de escaravelhos, lagartixas e plantinhas.
Só bem mais recentemente é que me decidi a levar algumas tralhas, principalmente para o Gerês, e passar alguns entretantos do trabalho entretido a desenhar. Se as outras pessoas presentes achavam que era estar a armar-me aos cucos, paciência. Mas acredito que não, que atire a primeira pedra aquele que, nas andanças da anilhagem e do trabalho de campo não tenha feito coisas estranhas como ficar horas a fio dentro de uma tenda para fotografar um pássaro qualquer, pendurado numa árvore a montar ninhos para abutres-negros ou à beira de um precipício à procura de vestígios de carnívoros selvagens. Doravante, esta vai ser só mais uma dessas actividades pouco compreendidas pela população em geral.
Mas já me estou a desviar... ontem foi a primeira- esperemos que muitas- saída de campo do curso de ilustração científica, desta vez à zona da arriba fóssil da Costa da Caparica. A paisagem, impressionante e puxava por estas contemplações. Apesar do frio, as horas passaram num instante e ficou a certeza que quero fazer isto muitas mais vezes. Ainda houve tempo, obviamente, para a parte gastronómica do passeio e alambazar-me com umas tostas gigantes à beira-mar.
Estes foram alguns dos esboços traçados ontem no campo. Não sejam muito severos com a crítica de arte; as condições ambientais eram más e não havia um único animalzinho com vontade de ser modelo, portanto tive que me contentar com plantinhas.


(grafite, marcador e lápis de cor)

(grafite e aguarela)





(grafite e aguarela)

9 comentários:

SANDRA disse...

Olé!
Parabéns pelos desenhos...
Podes continuar a armar-te aos cucus no Gerês que á quem aprecie o teu trabalho... Os outros estão é com dor de coto!!!
Beijo grande

Krugul disse...

a verdade é que estão muito fraquinhos..principalmente o último que foi feito com tinta invisível..hehe
grande abraço

o quê?! estavas à espera que escrevesse que eram bonitos e tal..
para além de porco cínico, agora vais ser porco cínico e pretensioso. Soa bem..

Fuzhong! disse...

Não... estava à espera que escrevesses disparates. Não sabes apreciar arte! :)
Para a próxima bebo uma grade de mines antes a ver se os desenhos ficam mais ao agrado de minecity folks.

Krugul disse...

Pronto, não te ofendas..estava só a brincar. Como disseste e muito bem, aquilo são só disparates. Agora é que é a sério:
Os desenhos estão muito bons...ok..estão bonzinhos...mmmm..estão fraquinhos...bem, na verdade, estão uma m______!

Claro que estão óptimos..é pena é ser só florzinhas..mas enfim..

Sócio disse...

Meu Amigo.

Isso tudo não passa de uma pura perda de tempo... ou então desculpa para não fazer coisas uteis e sérias.

Tiravas uma foto dessas "couves", de certeza ficava melhor e tinhas muito menos trabalho!!! e não desperdiçavas tanto tempo.

Deixa de brincar e vai trabalhar.

;-)

Salinas disse...

...isto está bonito está. Agora já desenha florzinhas, para o próximo mês dizes que és larilas :)))
Fas-te um homem e deixa-te dessas coisas das plantinhas e ranzinhas e eee

vemo-nos sábado

Fuzhong! disse...

Quando vieres cá pedir para fazer ilustrações da vegetação das salinas ou ajudar em projectos com patos engripados mando-te enfiar uma salgadeira pelo cú acima! Aí quem grasna és tu!

Sócio disse...

O nosso Blogger anda mesmo bem disposto...

Até consigo imaginar o Salinas a GRASNAR!!! mas ele não deixa de ter razão.

A partir do momento que te declarares LARILAS (que eu tb acho que já faltou mais...) deixo de ser teu Sócio.

Fuzhong! disse...

Estás com saudades do teu amiguinho Batman, é?

Ide levar na peida!